Apneia Obstrutiva do Sono

Apneia Obstrutiva do Sono (AOS) é uma doença grave e até mesmo fatal. Os riscos de não diagnosticada incluem ataque cardíaco, acidente vascular cerebral, batimentos cardíacos irregulares, pressão alta, doenças cardíacas e diminuição da libido. Além disso, provoca sonolência diurna, que pode resultar em acidentes, problemas de perda de produtividade e até de relacionamento.

A Fundação Nacional do Sono estima que 18 milhões de adultos têm Apneia Obstrutiva do Sono e é provável que também afete de 2% a 3% das crianças. No entanto, as pessoas que têm AOS podem não estar cientes que têm um problema. Se alguém próximo a você falou de seu ronco alto e notou que muitas vezes você acorda de repente e tem falta de ar quando dorme, você deve consultar o seu Cirurgião Buco-maxilo-facial .

Como acontece a Apneia Obstrutiva do Sono (AOS)?

Durante o sono, as vias aéreas superiores podem ser obstruídas por excesso de tecido, amígdalas grandes e uma grande língua. Também contribui para o problema os músculos das vias aéreas, que relaxam e colapsam durante o sono, fossas nasais e a posição da mandíbula. A interrupção da respiração ou “apneia”, provocada por esses fatores, inicia impulsos do cérebro para acordar a pessoa, apenas o suficiente para reiniciar o processo de respiração. A apneia do sono é geralmente definida como a presença de mais de 30 interrupções durante um sono de sete horas. Em casos graves, os períodos de falta de respiração podem durar desde 60 a 90 segundos e podem reaparecer até 500 vezes por noite.

Como pode ser tratada?

Existem aparelhos, como o CPAP, utilizado para dormir, que impulsionam o ar sob pressão para dentro das vias aéreas do paciente. Porém, muitos não se adaptam ao seu uso, por acharem incômodo ter que usar a máscara e o aparelho jogando o ar por pressão para dentro da sua boca.

Outra forma de tratamento é a Cirurgia Ortognática de avanço Maxilo- Mandibular, que compreende o reposicionamento cirúrgico da Maxila e da Mandíbula para frente, de forma que aumentam o espaço das vias aéreas na região posterior da orofaringe. Desta forma, o ar passa com facilidade. Esse é o tratamento mais previsível e com resultados imediatos.

Plano de Saúde pode cobrir esta cirurgia? 

Pode sim! A Cirurgia Ortognática para Apneia Obstrutiva do Sono pode ser autorizada através do seu Plano de Saúde.

 

15 Comentários

  1. ELIZANGELA CARLOS LIMA
    sexta-feira, 15/05/2020 às 14:15 | Permalink

    tenho apneia do sono fiz polissonografia resultou em apneia moderada cerca de 21paradas respiratorias por hora, isso à 5 anos atrás, agora piorei 80%, uso aparelho ortodontico apenas pra alinhamento dos dentes fiz em torno de 5 tc crânio e face, tenho crises de garganta quase todos os dias e não consigo mais respirar normal durante o dia tbm, era educadora fisica à 5 anos atrás e hoje não consigo siquer pedalar sem que me sinta extrmamente cansada

    • João Hyppolito
      segunda-feira, 22/06/2020 às 14:06 | Permalink

      Olá, Elisângela.
      Tudo bem!

      Se você desejar podemos marcar uma consulta para analisarmos o seu caso. Como você já deve saber, a cirurgia ortognática é opção para pessoas que sofrem com a Apneia Obstrutiva do sono. Se você quiser saber mais sobre o assunto, aqui no site abordo sobre ele, além do meu instagram @joao_hyppolito.

      abraço!

  2. Rosilene
    terça-feira, 21/04/2020 às 13:03 | Permalink

    Olá, sofro com problemas pra dormir, tenho insônia e estou sempre me sentindo cansada, meu marido disse que acordo com meu próprio ronco. Tenho plano de saúde AMS-Petrobrás, você atende a esse plano?

    • João Hyppolito
      segunda-feira, 22/06/2020 às 14:32 | Permalink

      Olá, Rosilene!
      Tudo bem!

      Aceito AMS-Petrobrás sim!
      Já voltamos ao atendimento seguindo as normas de segurança e saúde.
      Você pode marcar uma consulta através do telefone: 9.8781.4585

      abraço!

  3. Emanuely
    quinta-feira, 04/04/2019 às 20:40 | Permalink

    Dr. Hyppolito boa noite! Me chamo Emanuely tenho 24 anos. E a 2 anos descobri que tenho apnéia obstrutiva do sono de grau elevado. Faço uso do CPAP mais não me dou muito bem. Consultei um ortondotista que fez meu tratamento ortodôntico ele disse que meu caso é a cirurgia ortognática, pois tenho a anatomia bucal pequena. Meus dentes são perfeitos. Só tenho a mandíbula pequena. Queria saber se fazendo a cirurgia o resultado é 100% .

    • João Hyppolito
      quinta-feira, 04/04/2019 às 21:07 | Permalink

      Boa noite Emanuely! A cirurgia ortognática, dentre os tratamentos cirúrgicos, é o que apresenta melhores resultados.A cirurgia ortognática visa melhora da função mastigatória, respiração e estética. Todos estes quesitos são levados em consideração durante o planejamento. Apesar da melhora significante, nunca a apneia do sono vai ser encerrada por completo. Mas o importante é que diminua para parâmetros pequenos que não causem problemas para você.
      Agende uma avaliação que poderei ver seu caso melhor.
      #bucomaxilo
      #cirurgiaortognatica
      #apneiadosono

  4. Janile Andrade
    segunda-feira, 26/03/2018 às 09:40 | Permalink

    Ronco alto e sinto me cansada durante o dia. Ajude me.
    Meu plano e unimed múltiplas.
    Tinha dentes tortos, fiz implantes. Mas continuo roncando muito alto, tenho vergonha de dormir em casa de familiares.

    • João Hyppolito
      terça-feira, 27/03/2018 às 21:32 | Permalink

      Você provavelmente sofre de apneia do sono. A cirurgia ortognática pode ajudar a resolver esse seu problema. O avanço maxila mandibular é o melhor tratamento para melhora e diminuição dos sintomas de apneia do sono.
      #cirurgia ortognatica
      #bucomaxilofacial

  5. VALDÍSIO VIEIRA DA SILVA
    domingo, 12/11/2017 às 17:33 | Permalink

    Dr. João Hipólito, boa tarde.
    Comecei a sofrer meu problema de apneia do sono quando ainda era criança e adolescente, na faixa etária dos 8 aos 15 anos de idade. Ao ingressar na fase adulta, deixei de senti-lo, não sei se por ser de natureza leve. Recentemente, a partir de 2010, voltei a sentir crises de apneia, sendo que, nesta segunda fase, a obstrução momentânea da respiração, durante o sono noturno, é bastante forte e causa um mal-estar perturbador. Por duas vezes (a primeira, em junho de 2013; e a segunda, em 2015), tive um pouco de dificuldade para retomar a respirar normalmente. Logo após começar a respirar, passei a sentir forte dor no peito esquerdo.
    Devo acrescer ao Senhor que:
    1 A apneia me acontece, segundo tenho percebido, durante as duas primeiras horas do sono;
    2 Logo que voltei a sentir as crises de apneia, a partir de 2010, elas me ocorriam apenas quando dormia na posição decúbito dorsal; a partir de 2014, passei a senti-la, mesmo deitado de perfil;
    3 Não sinto obstrução respiratória todos os dias da semana; às vezes, passou mais de 15 dias sem senti-la;
    4 Às vezes, durmo em decúbito dorsal a noite inteira, e não sinto obstrução respiratória;
    5 Durante o dia e nas primeiras horas da noite, sempre que me deito momentaneamente, não costume sentir obstrução respiratória, independente da postura corporação adotada.
    Gostaria de meu problemas fosse auscultado e respondido pelo Senhor.
    Meu plano de saúde é UNIMED Norte-Nordeste.
    Meu plano de saúde é UNIMED Norte-Nordeste

    • João Hyppolito
      quarta-feira, 15/11/2017 às 21:59 | Permalink

      Durante o sono, as vias aéreas superiores pode ser obstruída por excesso de tecido, grandes amígdalas e uma grande língua. Também contribui para o problema pode ser os músculos das vias aéreas, que relaxam e colapso durante o sono, fossas nasais, ea posição da mandíbula. A cessação da respiração, ou “apnéia”, provocada por esses fatores inicia impulsos do cérebro para acordar a pessoa apenas o suficiente para reiniciar o processo de respiração.
      Existem formas paliativas de melhorar a apnéia como por exemplo o uso de CPAP ou tratamentos que melhoram definitivamente que é através da cirurgia ortognática.
      Essa cirurgia pode ser feita através do seu plano de saúde Unimed.
      Nos contate que orientaremos.

  6. sexta-feira, 04/08/2017 às 12:20 | Permalink

    eu ronco muito alto e não so gordo e as pessoas falam q eu paro de respira tbm o q pode se ?

  7. quarta-feira, 01/02/2017 às 09:45 | Permalink

    Hipopneia foide 1 por hora de monitorizacao.foram registrados1 apneia e 9hipopneiad.foram registrados 52 roncos alto .Afrequencia media de pulso foi de 75 datimentos por minutos bpm.A frequencia minima foi 59 bpm e a mxima foi de 100 bpm

    • João Hyppolito
      segunda-feira, 13/02/2017 às 12:16 | Permalink

      Olá vamos marcar uma consulta que poderemos conversar melhor sobre sua apneia do sono.

  8. quinta-feira, 30/06/2016 às 14:41 | Permalink

    Olá, sofro com problemas de sono e queria agendar uma consulta. Qual o valor?

Tire suas dúvidas com o Dr. João Hyppolito

Seu email nunca será publicado ou compartilhado. Campos obrigatórios *